Páginas

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

você é....

"Você é aquilo que ninguém vê. Uma coleção de histórias, estórias, memórias, dores, delícias, pecados, bondades, tragédias e sucessos, sentimentos e pensamentos. Se definir é se limitar. Você é um eterno parêntese em aberto. Enquanto sua eternidade durar..."







Baseado em Martha  Medeiros

4 comentários:

  1. amiga adorei suas palavras
    me encantaram nesse começo de semana
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Lindo, lindo, lindo... me julgo ser tudo isso e mais um pouquinho.
    Beijos querida

    Iram

    ResponderExcluir
  3. Paabéns, San!!! Que lindo. Me considero um eterno parêntese. Beijinhos.

    ResponderExcluir